Consumo moderado de álcool reduz o risco de acidente vascular cerebral isquêmico

0

Já é sabido que o uso moderado de álcool está associado com a diminuição no risco de manifestação de doenças coronárias. Apesar de haver estudos demonstrando haver associação entre o uso moderado de álcool e a diminuição no risco de manifestação de acidentes vascular cerebral isquêmico (AVCI), a sua relação com o risco de manifestação de acidentes vasculares cerebrais (AVC) ainda não é muito clara.

A fim de responder esta questão, os autores investigaram em uma amostra de 3176 sujeitos pertencentes a diversas etnias de 40 anos ou mais de idade a influência do uso de álcool sobre o risco de manifestação de AVCI.

O consumo e álcool foram divididos em quatro categorias: (1) nenhuma dose (< 1 dose por mês no ano anterior ao estudo), (2) consumo moderado (de > 1 dose por mês no ano anterior ao estudo até < 2 doses por dia), (3) intermediário (>2 mas >5 doses diárias) e (4) pesado (> 5 doses diárias). O grupo de nenhuma dose foi utilizado como grupo de referência para o estudo.

A média de idade da amostra foi de 69,1 + 10,3 com predomínio de mulheres (62,8%). Constatou-se redução de aproximadamente 44% no risco de AVCI para aqueles que fizeram uso moderado de álcool. A proteção máxima foi obtida com a ingestão de 1,2 dose de álcool. Notou-se também que o consumo de >2 doses de álcool esteve associado com aumento no risco de AVC hemorrágico.

Constatou-se, assim, um poderoso efeito protetor do uso moderado de álcool sobre o risco de manifestação de AVCI na amostra em questão. Esse efeito protetor parece estar relacionado com o aumento nas taxas de HDL (“colesterol bom”) em decorrência do uso de álcool.

Fonte: http://www.cisa.org.br/artigo/112/consumo-moderado-alcool-reduz-risco-acidente.php

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui